The Twilight Zone: A Nova Série – S01E09 The Blue Scorpion

Bem vindos à Zona do Crepúsculo!
Angélica Hellish e Marcos Noriega  conversaram sobre o nono episódio, o penúltimo da nova versão de The Twilight Zone, “O Escorpião Azul” (The Blue Scorpion) um episódio que critica o armamentismo e a tendência destrutiva que o porte de arma pode trazer aos seres humanos.

Mencionados: Filme: O Senhor da Guerra (2005) / Quadrinhos: 100 Balas, escrito por Brian Azzarello e ilustrado por Eduardo Risso

THE IT CROWD – COMPLETA

Inscreva-se no nosso canal no Youtube. Os podcasts também estão sendo publicados por lá.

Nossos podcasts sobre a série clássica são publicados às segundas e sextas feiras, assine o feed e não perca nenhum programa!

Curta e acesse as nossas páginas no Facebook: Além da Imaginação Podcast e MasmorraCine, Nosso Grupo Fãs de Além da Imaginação. Todos os episódios da série clássica estão sendo publicados por lá.

Os episódios da série The Twilight Zone podem ser assistidos em qualquer ordem pois são histórias fechadas! Assista o episódio e escute o podcast.

Considere nos apadrinhar com qualquer valor no Padrim. Assim você ajuda para que consigamos manter o nosso site e continuar publicando os podcasts!

Assista antes de escutar o programa! Tem Spoilers! Episódio disponível com legendas em: http://bit.ly/30DF9Hl

Quer pedir um episódio ou comentar o que achou do podcast? Mande um feedback pra gente pelos e-mails: contato.cinemasmorra@gmail.com ou alemdaimaginacaopodcast@gmail.com


One Reply to “The Twilight Zone: A Nova Série – S01E09 The Blue Scorpion”

  1. Caio Egon

    Se levarmos que o episodio vi para a lógica americana de que arma é para a defesa do lar, acho que o suicidio do pai do Jeff e o tema fazem uma conexão no sentido de: A arma faz uma premonição de quem deve morrer para que o dono sobreviva, mas as pessoas que não são capazes de entender essa premonição, logo a disvirtuam e usando para outros fins.
    O pai do Jeff tinha uma bala com o nome dele e outra do Jeff, deve ter pensado que a bala era uma ordem da arma para matar o proprio filho e preferiu se matar achando que vivo alguma hora não suportaria a tentação de matar o filho.
    Logo as duas balas teriam os nomes das pessoas que iriam ser uma ameaça ao protagonista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *